Conheça as madeiras mais indicadas na construção civil

Além das estruturas totalmente feitas de madeira, a matéria-prima pode ser empregada nas de alvenaria, em forros, assoalhos, telhados, portas e janelas

Por diferente que seja o projeto, a madeira ainda está muito presente na construção civil. Não somente em estruturas totalmente feitas de madeira, mas também nas de alvenaria, a matéria-prima pode servir para a fabricação de caibros, escoras, dormentes, pranchas, tábuas, ripas, vigas, esquadrias, estruturas de cobertura, forros e pisos.

E mesmo quando não utilizada na estrutura permanente da construção, a madeira pode ser empregada de outras maneiras, como na instalação do canteiro de obras, nos andaimes, nos escoramentos e nas fôrmas. São muitas as utilidades para essa matéria-prima, mas, você já parou para pensar que tipo de madeira é mais indicada para cada uso na construção?

Para a parte exterior da estrutura, é recomendado o uso de madeiras resistentes. Neste caso, as mais indicadas são: o Ipê, a Peroba, a Itaúba, a Teca e a Garapeira. Estas são madeiras mais resistentes à umidade e são ideais para escoramento, telhados e coberturas. Ainda na parte externa, existem as portas e janelas. Na maioria das vezes esses itens já são comprados prontos, fabricados. No entanto, não custa verificar a procedência e a madeira utilizada para fabricação. Os tipos mais duráveis incluem Acapu, Angico-Preto e o Pinho-de-Riga, Itaúba, o Cedro Rosa e o Jequitibá Rosa. Muitas empresas empregam ainda o Pinus e o Eucalipto como matéria-prima, não só de portas e janelas, como também para estruturas para telhados e forros. Também são uma boa opção para construções, mas precisam passar por tratamento antes da aplicação.

Já para utilização interna, alguns tipos de madeira são os mais utilizados pelos construtores. Como se trata de madeira para a parte interna do telhado, forros e assoalhos, além de optar por uma madeira de qualidade, é necessário que a matéria-prima tenha uma boa estética. Ou seja, este tipo de madeira deve ter durabilidade e ao mesmo tempo beleza, já que ficará exposta. 

Para o telhado, a Garapeira e o Cambará são dois tipos indicados e é possível utilizar também a Itaúba e a Peroba, que são mais resistentes. Para os forros e painéis, as madeiras mais utilizadas são a Macaúba, o Louro, o Marfim, o Pau-Amarelo e o Mogno.

Para assoalhos e pisos, a madeira também precisa resistente para suportar o trânsito de pessoas. Neste caso, são geralmente empregados a Peroba-Rosa, Angico-Preto, a Aroeira, a Macacauba, o Ipê, o Pau-Amarelo e o Pau-Darco.

Portanto, se você pensa em construir, essas são algumas das madeiras mais indicadas. É claro que além do tipo de madeira, é essencial procurar profissionais que utilizem madeira certificada e quando necessário, tratada, para garantir a durabilidade da obra.

Agora, se você trabalha com o beneficiamento de madeira, nós da Máquinas OMIL podemos te ajudar! Nós estamos no mercado há 73 anos produzindo o que há de melhor em máquinas para este ramo. São plainas e serras que atendem desde a pequena até a grande linha de produção. Nós temos assistência técnica em todos os estados, temos reposição de peças e ainda entregamos os equipamentos para todas as cidades do Brasil.

Entre em contato conosco e conheça nossas soluções em tecnologia para o beneficiamento de madeira!

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

CONSTRUINDO DECOR. Madeira – Tipos adequados para construção. Disponível em: http://twixar.me/nvc1. Acesso em: 05 de setembro de 2019.

REVISTA DA MADEIRA. Madeira na construção civil. Disponível em: http://twixar.me/khc1 . Acesso em: 05 de setembro de 2019.

 

Fotos

Tags

Aguarde